Notícias

Segundo estudo, ingerir pouca proteína aumenta a fome

Fonte: UOL

Texto A+ A-

 
Foto: Reprodução/UOL

Foto: Reprodução/UOL

Comer pouca proteína aumenta a fome e o consumo de lanches, aponta estudo realizado pela Universidade de Cambridge. Cientistas comprovaram que comer um pouco mais do que a quantidade média de alimentos como carne, peixe, ovos e nozes pode ajudar a perder um quilo por mês.

Pesquisadores descobriram que pessoas que consumiam apenas 10% de proteínas ganhavam 260 calorias a mais do que os que consumiam 15%. Essas calorias extras eram obtidas por lanches antes das refeições.

Os pesquisadores recrutaram 22 voluntários, todos de peso saudável e com idade entre 18 e 51 anos, para viver e comer sendo observados por eles. Diariamente eram oferecidos alimentos que pareciam os mesmos, mas tinham diferentes níveis de proteína.

A quantidade de gordura, por sua vez, foi constante, 30% do total de calorias da refeição, enquanto a proteína variou em 45%, 50% e 60% do total da refeição.

Os voluntários fizeram a mesma quantidade de exercícios (uma caminhada de uma hora por dia) e outras atividades para que nenhum deles comesse apenas por tédio ou estresse.

O estudo apontou que as pessoas que consumiram menos proteínas ingeriam em média 1.036 calorias extras durante um período de quatro dias, enquanto os que ingeriam mais proteínas não comiam a mais do que já era dado pelos cientistas.

Além disso, os que comeram mais proteína sentiam mais saciedade. O estudo foi publicado na revista PLoS One.

 

publicado em 17/10/2011 às 13h55

Veja mais

 
 
 
 

Receba novidades

Cadastre seu e-mail e receba novidades sobre a Vita Care

Últimas notícias

Dieta mediterrânea reduz em 30% risco de doença cardíaca

Despeje um pouco de azeite de oliva, de preferência...

Segundo estudo, Ômega-3 protege o sistema imunológico contra os danos da luz solar

Segundo pesquisadores da Universidade de Manchester, na...

Proporcionamos aos idodos uma dieta adequada e todos os programas que promovam e mantenham a autonomia do idoso, além da criação de um ambiente adequado e seguro para o idoso dependente.

Copyright - 2020 Vitacare Todos os direitos reservados